sujeita.

Almoço com o Caio, quase sempre, num restaurante sem placa. Ele disse que eu tenho o lado direito maior que o esquerdo, e depois disso, eu fico olhando minhas mãos, fazendo esforço pra perceber que a direita é maior. Lucas não acha. E tenta fazer com que eu volte pra faculdade. Meu pai disse que o importante é eu ser feliz. E Júlia gosta do meu jeito de fotografar pessoas, ela acha expressivo. A Márcia diz que expressiva sou eu. Por isso não sei mentir. Clarissa fala que eu sou exagerada, e faço tempestade em copo de água. Milene e Marcelo não se falam mais, e falam sempre que a moça do filme é igual a mim (brilho eterno de uma mente sem lembrança). Nunca lembro de comer verdura, e minha mãe acha que vou ficar anêmica. de novo. Elenice disse que eu não faço bagunça, e que não vai fazer batata frita hoje. Minha avó me acha inteligente, e também que não tiro proveito disso. Heloísa não suporta minha agenda “cult”, e se acha no dever de me salvar, “vamos pro buteco prima”, eu nunca resisto. sempre me acabo por lá.

Anúncios

3 comentários sobre “sujeita.

  1. Sujeita!

    Cada laço bonito tem sua vida hein??
    Que predicados diversos conjugam no seu sujeito? Gosto disso.
    Ser vista em diversos ângulos por diversas percepções.

    Mas quando a vida pesa nada melhor do que ouvir os tão certos conselhos da sabia Heloísa… vá embora pro buteco…

    beijos…
    amo-te.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s