Clarissa

Adoro quando ela ajeita os óculos, e olha por cima, com cara de sapeca, ameçando os advserários do carteado, ou com as mãos na cintura, fazendo cara de quem não gosta de bagunça.

Adoro quando eu odeio que ela me grita meia noite, só pra dizer “me cobre”.
Quando me dá a mão pra atravessar a rua, com cara de irmã mais velha. Se acha. e eu lembro de quando ela era só uma barriga.

Quando ela sabe que eu não sei mentir, eu rio do riso dela, quando eu choro do pranto dela, se ela dói, eu doo alma, quando é axé, ela se sacode.

ensinei a ler, a cair da árvore mais alta.
a levantar, a ter pressa.
responsabilidade, num sei não.
Deixo ela brincar de irmã mais velha as vezes…

…e ela chora vendo novela.

 

Anúncios

4 comentários sobre “Clarissa

  1. eu e minha irmã somos assim.
    ela é a mais velha da história…
    em vez de me cobrir, ela canta dominó no quarto de madrugada e a gente chora de rir…

    às vezes a gente esquece o tamanho da sorte que tem!
    =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s