A Fita.

A fita acabou.
Tentei o auto-reverse, durex, cuspe, até oração. Falei baixinho: “não acaba, escreve. não acaba, escreve.” Fita surda. ainda pulsa, e tenta. sem cor, sem tinta. Pedindo pra morrer, diluindo aos poucos, recusa meu sangue, arranca meu pulso. Morre aonde eu posso tocar.

Ainda bato. ensurdeço. tento. enlouqueço. espero. por suas palavras apagadas, sem a intenção de ser… pulso, máquina, tinta. nada.
Ainda pulso, sem cor. nem moral.

calo.

é… não tem jeito.
tenho que ir no Maleta comprar outra fita.

foto-050.jpg

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s